sexta-feira, 15 de junho de 2012

A Queda do Morcego


A Queda do Morcego foi publicada originalmente em 1993, entre vários títulos ligados ao Batman. Toda a saga, que tem mais de cem HQs envolvidas, se desdobra na Queda do Morcego em si, Knightquest: A Cruzada, Knightquest: A Busca e Knightsend. Por ser extensa e envolver diversos persongens, vou me ater ao foco da Queda do Morcego, que é a trajetória do Bane com o objetivo de destruir Batman, iniciada em A Vingança de Bane.

Depois de fugir de Santa Prisca e chegar à Gotham, Bane começa a pôr em prática o seu plano para enfraquecer Batman ao enfrentar e derrotar Crocodilo e tornar seu "poder de fogo" visível, "injetar" Veneno no Charada e libertar vários internos do Asilo Arkham, como Zsasz, Vagalume, Chapeleiro Louco e o próprio Coringa, um de cada vez. Além disso, Batman e Robin se distanciam durante A Queda do Morcego, fazendo com que Batman enfrente quase tudo sozinho.
Bane assiste o caos se instaurar na cidade e aguarda o momento certo para quebrar Batman. Cada vez mais enfraquecido, em especial após lidar com Coringa e Espantalho, Batman é surpreendido na Mansão Wayne por Bane que, à essa altura, já havia deduzido a identidade secreta do Homem Morcego. 
Os dois lutam na caverna e, enquanto Batman está exausto e mais vulnerável que nunca, Bane quebra a sua coluna sobre o joelho, deixando-o paraplégico. 
Com Batman "ausente", Bane assume o controle de Gotham, realizando uma série de operações ilegais na cidade. É nesse período que Bane procura a Mulher Gato e os dois fazem um acordo: ela continua realizando seus roubos, desde que parte do que for obtido seja entregue à ele.
Enquanto isso, Bruce Wayne pede a ajuda da Dr. Shondra Kinsolving para recuperá-lo. Londe das ruas, quem o substitui é Jean-Paul Valley, conhecido como Azrael. Treinado por Robin e Batman para uma possível substituição, Azrael assume o lugar de Wayne. Apesar de, à princípio, ser eficaz, inclusive derrotando Bane em um combate, cortando os tubos da droga Veneno, deixando Bane abstinente.

Em estado catatônico, ele é levado para a prisão Blackgate e passar a ter visões de morcegos, muito semelhante ao que ocorria quando estava na solitária em Santa Prisca.
Azrael se torna cada vez mais frio e distante daquilo que Batman representa, tanto nas ações, quanto visualmente, já que com o passar do tempo faz diversas alterações no uniforme. Além disso, a sanidade mental de Azrael fica cada vez mais comprometida à medida que suas ações são cada vez mais controladas pelo que chama de Sistema. Á medida que a história vanaça, ele demonstra a vontade e até a certeza, de ser um Batman melhor que Bruce Wayne.
Entre as ações que tornavam Azrael cada vez mais distante do Batman foi deixar de realizar ações investigativas e até deixar pessoas inocentes morrerem, ao invés de punir criminosos. Após sua recuperação, Wayne o "expulsa" da condição de Batman, apesar da resistência de Azrael.
Entre outros eventos que se desdobram durante a Queda estão o sequestro da Dra. Shondra e do pai de Tim Drake, ambos levados para Santa Prisca, além da "redenção" de Jean Paul Valley.
Related Posts with Thumbnails