sexta-feira, 13 de maio de 2011

The Dark Knight Rises custará pelo menos US$ 250 milhões

Locações em três continentes, fazer as coisas de verdade sem uso de efeitos especiais, um protagonista que acabou de ganhar um Oscar e outras coisas certamente têm o seu preço. Por conta desses fatores, o orçamento de The Dark Knight Rises é estimado em 250 milhões de dólares, fora outros custos, como publicidade. São 65 milhões a mais que Cavaleiro das Trevas e 90 milhões que A Origem.

Segundo o Los Angeles Times, a Legendary Pictures, que fez os dois filmes anteriores com a Warner, estão num impasse porque o estúdio estaria tentando reduzir o lucro da produtora, já que ambas dividiram os custos e a bilheteria de Cavaleiro das Trevas. As duas empresas querem chegar a um acordo sem prejudicar o relacionamento entre as duas.

Levando em consideração o aumento entre Begins e Cavaleiro das Trevas, o aumento do orçamento para The Dark Knight Rises realmente é um salto, mas nenhum absurdo. Outros grandes projetos da Warner, como Harry Potter, tem orçamento especulado em 300 milhões (o estúdio não divulga o orçamento). O retorno é mais que garantido, e em dias, ainda mais levando em consideração que Cavaleiro das Trevas se pagou em 5 dias, fora venda de Blu-rays, DVDs e outras coisas depois.
Aliás, a partir da próxima segunda (16), as filmagens acontecerão em Londres, provavelmente a maior parte em internas, no mesmo local em que foram feitas as cenas do Departamento de Polícia nos outros dois filmes. Acho que é hora de rever o Gary Oldman como Comissário Gordon e, talvez, o Joseph Gordon Levitt.
Related Posts with Thumbnails